Paulistano 88 x 79 Franca

NBB 2014-15
1ºQ 2ºQ 3ºQ 4ºQ PRO
PAU 19 20 18 31 0
FRA 15 24 23 17 0

0
ASSIST.

0
REBOTES

Franca Basquete não consegue passar pelo Paulistano e chega a nove derrotas no NBB

Data do jogo: 05-02-2015 Horário do jogo: 19:30:00 Autor: Franca Basquete

A equipe da Capital do Basquete apresentou um bom desempenho na noite desta quinta-feira, 05 de fevereiro, porém não o suficiente para superar o time do Paulistano. O Franca Basquete conheceu sua nona derrota no Novo Basquete Brasil, ao ser superado pelo placar de 88 a 79, jogando no Ginásio Antônio Prado Junior, em São Paulo.

Para Lula Ferreira, a falta de jogadores aptos para atuarem no confronto foi um dos fatores negativos ao time francano. Marcos Mata, principal contratação da temporada, e Antônio Elpídio, um dos nomes de destaque entre os novos talentos da equipe, desfalcaram o elenco por estarem recuperando-se de lesão. Além disso, o capitão Juan Pablo Figueroa jogou no sacrifício, após ter contraído uma virose que o deixou debilitado antes do embate.

"Não temos que justificar derrotas, mas o fato de só contarmos com o Léo Meindl como ala efetivo em quadra nos prejudicou bastante. Estávamos sem muitas peças de reposição e isso faz uma diferença grande, nos deixou com maiores dificuldades dentro da partida. O Figueroa passou muito mal ontem e não conseguiu treinar antes da partida. Ele só entrou em quadra, pois é um jogador muito comprometido e uma pessoa fantástica", afirmou o técnico.

Com 21 pontos, sete rebotes e dois passes decisivos, Léo Meindl foi o atleta mais eficiente do esquadrão francano e garantiu o título de cestinha da partida ao lado de Holloway. André Coimbra também conquistou números expressivos: 19 pontos e três rebotes.

O jogo foi equilibrado desde os instantes iniciais, tanto que o placar mostrava o empate das equipes em 39 pontos na ida para o intervalo. No terceiro período, o time francano contou com Léo Meindl e Lucas Mariano inspirados (7 e 6 pontos, respectivamente) e conseguiu abrir cinco pontos de vantagem, indo para os dez minutos finais com vantagem por 62 a 57.

A diferença no marcador não foi mantida na última parcial. O Paulistano se aproveitou dos erros francanos, principalmente nas posses de bola, e passou a liderar a partida. Nos dois últimos minutos, o elenco de Gustavinho apresentou melhor desempenho ofensivo, principalmente através da dupla norte-americana Holloway e Dawkins, e venceu o jogo.

“Fizemos um bom jogo. Durante toda a partida, tivemos maior qualidade ofensiva do que o time do Paulistano: fizemos 52,7% de aproveitamento nos ataques, contra 44,7% conquistados por eles. Entretanto, nos dois minutos finais, eles tiveram maior volume de jogo, chutaram mais vezes na cesta, e pegaram mais rebotes: foi isso que garantiu a vitória”, disse o técnico Lula Ferreira.

No domingo, 08 de fevereiro, o Franca Basquete joga no Pedrocão contra o Flamengo. A partida será às 11 horas e terá transmissão via web.

O técnico francano pediu o apoio da torcida para lotar o Pedrocão e ajudar a equipe na busca pelo resultado positivo. “Gostaria de fazer um apelo. Peço que vocês, torcedores apaixonados pelo Franca Basquete, não considerem apenas o resultado esportivo das últimas partidas, e compareçam ao Pedrocão. O Franca Basquete com o apoio da torcida é um time forte e poderoso. Sem o apoio das arquibancadas, nos tornamos apenas uma equipe comum. Nós precisamos de vocês, mais do que nunca”, afirmou.

Nenhuma estatística

Nenhuma estatística

Nenhuma estatística

Nenhuma estatística